1ª Sessão Participativa do Projeto Piloto para a Gestão Colaborativa do Parque Natural do Tejo Internacional

1ª Sessão Participativa do Projeto Piloto para a Gestão Colaborativa do Parque Natural do Tejo Internacional

A secretária de Estado do Ordenamento do Território e da Conservação Natureza, Célia Ramos, preside à abertura da 1ª Sessão Participativa no âmbito do Projeto Piloto para a Gestão Colaborativa do Parque Natural do Tejo Internacional, que se realiza na Escola Superior Agrária, em Castelo Branco, amanhã, dia 29 de novembro, entre as 9h e as 13h.

Este projeto piloto é uma iniciativa emblemática do ministério do Ambiente e da Transição Energética e conta com a participação de sete parceiros (Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, os Municípios de Castelo Branco, Idanha-a-Nova e Vila Velha de Ródão, o Instituto Politécnico de Castelo Branco, a Associação Empresarial da Beira Baixa e a Quercus – Associação Nacional para a Conservação da Natureza), apostando numa nova forma de gestão – participativa e colaborativa – de uma área protegida, tal como definido na Estratégia Nacional da Conservação da Natureza e da Biodiversidade, aprovada pelo Governo em maio de 2018.

Esta será, assim, a primeira de um total de três sessões, para identificar e validar, de uma forma participada e alargada, os principais desafios deste território no que respeita a três áreas temáticas: Património (que inclui património natural, arquitetónico, arqueológico e etnográfico), Turismo e Cinegética.

Paralelemente está em curso uma avaliação externa do modelo de gestão implementado no âmbito deste Projeto Piloto, a realizar por peritos da Fundação EUROPARC, com experiência relevante em matéria de modelos de governança de áreas protegidas. Os resultados e recomendações deste trabalho, a conhecer até ao final do ano, serão decisivos para o possível alargamento deste modelo de gestão para as restantes áreas protegidas.