Águas do Ribatejo distribuem garrafas personalizadas a milhares de crianças

Águas do Ribatejo distribuem garrafas personalizadas a milhares de crianças

Os alunos do 1º ciclo das escolas dos concelhos que integram a Águas do Ribatejo receberam uma garrafa personalizada no Dia Mundial da Criança. A oferta dos municípios e da Águas do Ribatejo é mais uma ação na campanha para o consumo da água da torneira por ser mais saudável, mais económica e mais amiga do ambiente.

“Resolvemos promover esta parceria, oferecendo uma prenda útil e fundamental para estimular as crianças a ter o hábito de levar consigo uma garrafa cheia de água para a escola ou para as atividades onde participam”, explica Francisco Oliveira, presidente da Águas do Ribatejo e da Câmara Municipal de Coruche.

As garrafas que as crianças receberam são azul água, têm uma capacidade de 600 ml, pesam 70 gramas e têm proteção antibacteriana. O recipiente mantém a água a uma temperatura agradável e está equipado com um arnês para pendurar na mochila ou no cinto.

Segundo Francisco Oliveira a Águas do Ribatejo já colocou dezenas de fontes de água ligadas à rede nos edifícios municipais e o objetivo é dotar todas as escolas com este tipo de equipamentos para garantir a acessibilidade à água em condições de segurança e com qualidade. “Estas fontes estão preparadas para abastecer diretamente da rede com água natural ou refrigerada e estão equipadas com filtros que só são acionados em caso da existência de sedimentos ou alguma anomalia na água.”, explica o líder da AR.

A campanha “Água de Confiança, com toda a Segurança” tem o apoio da Direção Geral de Saúde, Quercus, Deco e APDA, a associação que congrega as principais entidades gestoras da Indústria da água em Portugal.

Francisco Oliveira assegura que a qualidade da água que abastece os municípios de Almeirim, Alpiarça, Benavente, Chamusca, Coruche, Salvaterra de Magos e Torres Novas é “excelente”, com uma taxa de cumprimento de quase 100% num universo de 10000 análises certificadas anualmente. “As anomalias que surgem episodicamente, são normais, têm a ver com os níveis de cloro, ou o ph, e acabam por ser corrigidas de imediato”, realça. Segundo o autarca, depois da construção e requalificação das infraestruturas e equipamentos, a aposta da AR é na qualidade de excelência na água de abastecimento e no tratamento de águas residuais. “Tratamos o Ciclo da Água por completo com qualidade e segurança porque são fundamentais para a qualidade de vida dos 150.000 consumidores que servimos”, frisa.

Francisco Oliveira conclui realçando o forte compromisso que existe entre a AR, municípios, escolas, universidades e entidades nacionais e internacionais para continuar a apostar na investigação e na inovação. “Estamos em permanente aprendizagem com os melhores, só desta forma podemos estar na linha da frente”, refere. O Presidente da Águas do Ribatejo congratula-se com o facto da AR ser apontada como um modelo a seguir também na área da responsabilidade social e ambiental pelas boas práticas em curso.