Acciona e Plug Power juntas na na criação de uma plataforma de hidrogénio verde na Península Ibérica

Acciona e Plug Power juntas na na criação de uma plataforma de hidrogénio verde na Península Ibérica

Categoria Advisor, Empresas

A Acciona e Plug Power acabam de anunciar a assinatura de um principio de acordo (MOU) para colocar em marcha uma joint-venture (JV) 50% com sede em Madrid. Este acordo, segundo a Acciona, terá como objetivo converter a JV numa “plataforma de referência no fornecimento de hidrogénio verde para clientes em Espanha e Portugal”, proporcionando um “conjunto de produtos e serviços rentáveis e competitivos”.

Ambas as empresas prevêem que a JV desenvolva, opere e mantenha projetos de hidrogénio verde, respondendo à crescente procura na Península Ibérica. A nova empresa também pretende “proporcionar serviços de armazenamento, transporte e entrega aos seus clientes”, tendo como foco inicial “os segmentos de negócio industrial e de mobilidade”, refere o comunicado. O objetivo, afirma a Acciona, é atingir uma “quota de mercado de 20% do negócio de hidrogénio verde em Espanha e Portugal antes de 2030”, o que significará um “investimento inicialmente previsto de mais de dois milhões de euros”.

A Plug Power será o fornecedor preferencial de tecnologia de eletrolisador para a JV e a Acciona será o fornecedor preferencial de eletricidade limpa. A sociedade conjunta também irá utilizar a plataforma blockchain GreenH2Chain® da Acciona a fim de oferecer garantias de origem renovável para o hidrogénio fornecido. ACCIONA e a Plug Power contam com forças complementares a fim de criar a plataforma de hidrogénio verde líder na Península Ibérica. A conclusão de fecho desta JV está previsto para o final do primeiro semestre de 2021. Os projetos iniciais da nova empresa já se encontram numa fase de desenvolvimento.

“Esta JV marca outro marco importante no reforço da presença da Plug Power na economia europeia do hidrogénio, que está a crescer rapidamente”, afirma Andy Marsh, CEO da Plug Power, destacando que “à medida que perseguimos o nosso objetivo de produzir 1.000 toneladas de hidrogénio verde a nível mundial até 2028, estamos muito satisfeitos em juntarmo-nos com a Acciona para construir uma cadeia de ecossistemas de hidrogénio verde robusta e rentável, prevista no roteiro da UE para o hidrogénio”.

José Manuel Entrecanales, presidente da Acciona, reforça que a empresa “está comprometida com a criação de um ecossistema de hidrogénio verde sólido que contribua para o cumprimento dos objetivos europeus de descarbonização num ambiente de crescimento económico”.

A União Europeia (UE) e os Estados-membros decidiram priorizar a economia verde de hidrogénio nas suas estratégias de recuperação do ambiente e economia. Anunciada em julho de 2020, a Estratégia de Hidrogénio da UE apoia a instalação de pelo menos 6GW de electrolizadores de hidrogénio renovável  e a produção de um milhão de toneladas até 2024. Espanha, em particular, está designada a desempenhar um papel de destaque no caminho da descarbonização da economia europeia, uma vez que conta com elevados níveis de recursos renováveis. O governo espanhol apresentou o seu próprio roteiro de hidrogénio em outubro de 2020 como parte do esforço do país para alcançar a neutralidade climática e um sistema de eletricidade 100% renovável até 2030.

Santander Corporate & Investment Banking atua como o único consultor financeiro da Plug Power.