BP pode ser multada em 11,6 mil milhões

Categoria Ambiente, Energia

Um juiz norte-americano avaliou em 3.2 milhões de barris de petróleo a dimensão do derrame provocado pela BP no Golfo do México em 2010. Derrame que pode levar a empresa a ter de pagar uma multa com um valor máximo de 13,7 mil milhões de dólares, o equivalente a 11,6 mil milhões de euros).  Um valor que fica abaixo da estimativa do Governo norte-americano, com um 4,2 milhões de barris para a dimensão do derrame, e acima da estimada pela BP de 2,45 milhões de barris A multa máxima decidida pelo juiz norte-americano continua a ser a maior de sempre nos EUA para delitos ambientais, de acordo com a Bloomberg.