Combustíveis: Preços vão voltar a subir em janeiro com taxa ambiental

Combustíveis: Preços vão voltar a subir em janeiro com taxa ambiental

Categoria Ambiente, Energia

As regras de incorporação de biocombustíveis no gasóleo e gasolina – ou seja, a parcela que é adicionada ao combustível convencional com que abastecemos – vão ser mudadas. As alterações visam potenciar a produção nacional mas não tocam nos valores de incorporação acordados com Bruxelas, indica o Correio da Manhã. O que se irá traduzir, a partir de janeiro, num novo aumento do preço dos combustíveis, no mínimo, um cêntimo. Ou seja, a percentagem de biocombustível a incorporar passa dos actuais 7,5% para 9% (6 cêntimos), em 2017 e 2018, conforme estava previsto. O decreto-lei que altera os critérios na produção e utilização dos biocombustíveis foi aprovado em Conselho de Ministros. Na prática, em 2017, quando um condutor abastecer o carro, 9% do que está na gasolina e gasóleo resulta de combustíveis verdes, produzidos com soja, palma ou gordura animal, por exemplo.