COVID-19: Galp reforça medidas de prevenção

COVID-19: Galp reforça medidas de prevenção

Categoria Advisor, Empresas

Em função da evolução da situação relativa à pandemia COVID-19 e das medidas ontem decretadas pelo Governo, a Galp atualizou e reforçou o seu plano de contingência, com três objetivos prioritários:

– O bem estar e a segurança dos colaboradores;

– A resiliência de todas as operações e o regular funcionamento de infraestruturas críticas para o país;

– E a resposta às necessidades dos consumidores e das empresas.

Neste sentido, além das medidas que garantem o regular funcionamento de infraestruturas críticas para o País – onde se inclui a sua rede de postos e áreas de serviço – a Galp tem também em curso um plano de resposta constante às necessidades dos cidadãos, por exemplo, através do reforço de stocks nas suas lojas.

Em relação aos seus trabalhadores, a Galp instituiu o regime de trabalho remoto desde o dia 6 de março. Esta decisão – que atualmente abrange no mínimo 50% dos colaboradores de instalações não industriais – está a ser materializada através de ferramentas tecnológicas que permitem assegurar o normal funcionamento das atividades da empresa.

Recorde-se que, em alinhamento com as orientações iniciais da Direção Geral de Saúde (DGS) e da Organização Mundial de Saúde (OMS), a Galp tinha já tomado a 27/02 um conjunto de medidas preventivas de saúde e segurança para as suas pessoas nas geografias onde opera, concretamente:

– Todas as viagens previstas para as áreas afetadas ficaram suspensas;

– A realização de viagens está restringida aos casos de estrita necessidade, prevalecendo o uso da teleconferência;

– As pessoas da Galp que possam regressar de áreas afetadas ficam a trabalhar em casa em regime de “home office” por um período de duas semanas, sendo disponibilizado o acesso à realização de exames médicos.

O plano de contingência da Galp está disponível no site (www.galp.com) e será revisto sempre que a evolução da situação ou as diretivas do Governo assim o justifiquem.