França quer acabar com uso de copos e talheres descartáveis

França quer acabar com uso de copos e talheres descartáveis

A partir de 2020 será proibida a fabricação e distribuição de talheres e copos descartáveis em todo o território francês. Segundo o site pensamentoverde.com.br, “um dos países mais ricos e importantes do mundo” pretende mudar “radicalmente” o seu consumo de produtos feitos de plástico, principalmente de copos e talheres descartáveis. Este projeto, já votado e aprovado pelo parlamento francês, segue a linha da proibição das mochilas de plástico e tem como objetivo beneficiar o meio ambiente e propor alternativas sustentáveis.

O projeto francês de Lei sobre a Transição Energética, apesar de todos os benefícios ecológicos, tem gerado alguma controvérsia. Um dos deputados que votou contra a aprovação do mesmo, Jean-Pierre Decool, acredita que “copos e talheres de plástico são insubstituíveis e que esta decisão pode gerar a demissão de 650 pessoas no país”.

Apesar das opiniões desfavoráveis, a medida passou pelo parlamento e deverá ser uma realidade em 2020. Para os fabricantes de talheres e pratos descartáveis, “o golpe foi duro e o futuro é mais preocupante ainda. No entanto, “muitas empresas já estão a trabalhar em alternativas que mantenham as suas posições no mercado”.