Galp sobe ao nível de “Leadership” na avaliação do CDP às práticas sobre alterações climáticas

Galp sobe ao nível de “Leadership” na avaliação do CDP às práticas sobre alterações climáticas

Categoria Advisor, Empresas

A Galp foi nomeada pelo Climate Disclosure Project (CDP) como uma das companhias de “Oil & Gas” que adotaram de “forma mais eficaz as melhores práticas” sobre as “questões climáticas”, melhorando os resultados do ano anterior e atingindo o nível de “Liderança” e a classificação “A-”, anuncia a empresa.

Esta classificação bate a média europeia de “C”, assim como a média “B” do sector Oil & Gas mundial, no qual apenas uma em cada três empresas atingiu o nível de “Leadership”. A Galp destacou-se pela forma como integrou os “riscos” e as “oportunidades” em termos de alterações climáticas na sua “estratégia” e no seu “planeamento financeiro”, e pelas “iniciativas de redução de emissões implementadas”, lê-se no comunicado da empresa.

O resultado reflete a forma como Galp está a alinhar a sua carteira de ativos com modelos de negócio, produtos e serviços com baixas emissões associadas. A Galp alcançou a classificação máxima de “A” nas categorias de Governação, Divulgação de Oportunidades, Divulgação de Riscos, Processos de Gestão de Riscos, Envolvimento na Cadeia de Valor e Emissões de GEE de Âmbito 1, 2 e 3.

O CDP é uma organização sem fins lucrativos que opera o mais prestigiado sistema global de prestação de informação sobre a gestão de impactos ambientais. Esta informação é utilizada por investidores e gestores de fundos globais com cerca de $106 biliões em ativos sob gestão.