Lisboa é escolhida para cidade-anfitriã do Solar Cities

Lisboa é escolhida para cidade-anfitriã do Solar Cities

Categoria Ambiente, Energia

Entre hoje e amanhã, Lisboa é a cidade-anfitriã do Solar Cities. O evento é o ponto de partida para a concretização e assinatura da Carta de Compromisso “Solar Mayors” (Solar Mayors Charter), uma declaração aberta e internacional que unirá autarcas de todo o mundo na promoção de políticas públicas e projetos que fomentem a adoção de energia solar em meio urbano e o envolvimento dos cidadãos nesta transição.

À frente da iniciativa está a GoParity, plataforma portuguesa de investimentos sustentáveis, a Energy Cities, a maior associação europeia de cidades para a transição energética e o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (UNDP), que se juntaram com o objetivo de aproximar órgãos políticos locais, cidadãos e a iniciativa privada para uma colaboração intersetorial e inovadora, que estimule a abertura e maior eficiência das instituições na promoção e
execução de projetos de energia solar.

A sessão solene do evento decorre na Câmara Municipal de Lisboa, na manhã de dia 19, com a presença do vice-presidente, João Paulo Saraiva e do Vereador da Estrutura Verde, Ambiente, Clima e Energia, José Sá Fernandes. Nesta sessão será discutida e proposta a primeira versão da Carta de Compromisso Solar Mayors, contando com a presença de autarcas e representantes de 14 cidades portuguesas, entre as quais Lisboa e Porto, de cidades da Moldávia, Sérvia, Geórgia e Tajikistão e de países onde a UNDP está presente (Croácia, Somália, Líbano, entre outros). Várias plataformas europeias de crowdfunding para energia sustentável marcarão também a sua presença.
A reputação internacional de Portugal como líder na área das energias renováveis originou a sua escolha como país-anfitrião do evento, que, a acrescentar é sede da GoParity, que gere a plataforma agregadora Citizenergy em conjunto com a UNDP AltFinLab.

Após o evento, a Carta Compromisso estará disponível para assinatura online. Esta iniciativa é co-financiada pela UNDP’s Global Innovation Facility.

Consulte a programação completa do evento aqui.