Pinheiro Bombeiro e EDP Planeta Zero lançam Mercado de Natal sustentável

Pinheiro Bombeiro e EDP Planeta Zero lançam Mercado de Natal sustentável

O movimento “Pinheiro Bombeiro” está de volta e, este ano, em parceria com a EDP, organiza um Mercado de Natal com preocupações ambientais e de sustentabilidade e com entidades que promovem a economia circular, a redução do desperdício e a segunda vida de bens e objetos.

No “Mercado EDP Planeta Zero & Pinheiro Bombeiro”, as famílias vão poder escolher pessoalmente a árvore de Natal que vão levar para as suas casas. De quinta-feira a domingo, miúdos e graúdos vão poder desenhar as suas próprias decorações de Natal na oficina de Enfeites do Pinheiro Bombeiro, assistir a workshops de personalidades, especialistas e marcas, que vão apresentar dicas e soluções para um Natal com menos impacto no ambiente, bem como dar ideias para presentes feitos em casa. Até o Pai Natal deste mercado vai promover a economia circular – os visitantes vão poder entregar brinquedos que já não usam, para que possam ganhar uma nova vida junto de quem precisa.

Segundo uma nota de agenda, o evento vai contar com a presença de diferentes marcas parceiras, pipocas e algodão doce e opções zero-waste para petiscar. Durante estes dias, é assim possível fazer compras de Natal mais conscientes, optando por produtos e marcas que apelam ao consumo responsável e à economia circular, tais como a Loja do Zero e a Reshape, com produtos ecológicos e sustentáveis e roupa em segunda mão para crianças e adultos, a possibilidade de fazer hortas para levar para casa, encontrar livros e equipamentos de desporto em segunda mão e brinquedos para aprender mais sobre as preocupações que envolvem o nosso planeta.

Quem não possa dirigir-se ao Mercado de Natal, tem sempre a hipótese de alugar uma árvore através do novo website da iniciativa e dar uma segunda vida a pinheiros que foram cortados para limpar as matas. As entregas ao domicílio são válidas em Lisboa e no Porto e devem ser agendadas no momento do aluguer do pinheiro.

À semelhança das últimas edições, o aluguer do Pinheiro Bombeiro tem um custo de 20 euros e, por cada árvore alugada online ou fisicamente no Mercado de Natal, 5 euros revertem para a compra de material profissional para apoiar os Bombeiros Voluntários portugueses. Nas últimas quatro edições, a iniciativa já conseguiu recolher mais de 96 mil euros em donativos para esta instituição.

Para garantir que esta iniciativa sustentável tem o menor impacto possível no ambiente, a EDP Comercial vai compensar a pegada de carbono causada pelo Mercado de Natal e garantir o transporte sem emissões dos pinheiros sem emissões, em carrinhas elétricas movidas a eletricidade 100% verde, reforçando o posicionamento da EDP Comercial na mobilidade elétrica.

A Rnters, que pretende contribuir para a economia circular e promove o aluguer como a alternativa mais sustentável à compra, continua a incentivar a devolução do Pinheiro Bombeiro depois da quadra festiva. No entanto, para apelar à consciência ambiental, a startup deixa de incentivar as viagens de carro para efetuar a devolução dos pinheiros e oferece outras alternativas que pretendem reduzir a pegada de carbono, como a recolha direta pelos serviços de resíduos verdes das Câmaras Municipais.

Com mais de meio milhão de clientes, o Planeta Zero da EDP quer abrir o seu programa de sustentabilidade a cada vez mais pessoas e partilhar o programa até aqui assente na experiência online, através da app EDP Zero, para um universo de emoções físicas e partilha do conhecimento sobre temas de sustentabilidade, economia circular e alternativas mais responsáveis à época de consumo que é o Natal.