Projeto de economia circular da Brisa Áreas de Serviço vai evitar o desperdício de cerca de 111 toneladas de alimentos

Projeto de economia circular da Brisa Áreas de Serviço vai evitar o desperdício de cerca de 111 toneladas de alimentos

A rede de lojas Colibri Via Verde, da Brisa Áreas de Serviço (BAS), e a Phenix juntaram-se no combate ao desperdício alimentar, num projeto de solidariedade social e de economia circular.

Ao abrigo desta parceria, as lojas Colibri, através do programa de “Doações” da Phenix, vão doar a instituições privadas de solidariedade social produtos alimentares não vendidos nas suas unidades de restauração das Áreas de Serviço e, assim, contribuir para dar resposta às necessidades de comunidades locais carenciadas, lê-se num comunicado. Para o público em geral, “os produtos excedentes serão disponibilizados em cabazes para venda com preços reduzidos na aplicação contra o desperdício alimentar da Phenix”, explica a empresa de desperdício alimentar.

As lojas Colibri vão beneficiar, numa primeira fase, treze instituições de apoio a famílias em situação de carência, idosos, pessoas sem-abrigo, crianças e jovens, e cidadãos portadores de deficiências, através da doação de produtos alimentares das Áreas de Serviço de Aveiras, Santarém, Leiria, Pombal e Mealhada, localizadas na A1 – Autoestrada do Norte, e ainda da unidade de restauração da área de serviço de Antuã, na mesma autoestrada. Num futuro próximo, o objetivo é alargar o projeto a mais Áreas de Serviço Colibri.

Os utilizadores da app da Phenix poderão igualmente adquirir cabazes de alimentos não vendidos nas lojas Colibri. Os primeiros pontos de recolha estão nas Áreas de Serviço de Aveiras e Vila Nova de Gaia, na A1, e do Seixal, na A2 – Autoestrada do Sul. Os utilizadores da app poderão escolher várias combinações de produtos de pastelaria, salgados, sanduíches, saladas, sopas e sobremesas, com descontos entre 50 e 60%, refere o mesmo comunicado.

No conjunto das operações – doações e venda de cabazes na aplicação –, a Phenix estima que será evitado o desperdício de cerca de 111 toneladas de alimentos, o que equivale a aproximadamente 222 mil refeições, só no primeiro ano. “Estes valores correspondem a evitar a emissão de 250 toneladas de CO2 para a atmosfera”, acrescenta.

De acordo com Frederico Venâncio, diretor-geral da Phenix Portugal, “é com muita satisfação que abraçamos o desafio de apoiar a BAS a alcançar o seu objetivo de evitar o desperdício alimentar, através de doações a instituições privadas de solidariedade social. Esta parceria terá um impacto muito positivo também ao nível da sustentabilidade ambiental, pois evitar o desperdício alimentar é evitar também emissões de CO2”.

Até ao final do ano, a Phenix e a BAS esperam alargar a iniciativa a mais pontos de venda por todo o país, englobando quer o serviço de doações, quer a disponibilização de cabazes na aplicação anti-desperdício.