Zoomarine assinala esta segunda-feira 30 anos

Zoomarine assinala esta segunda-feira 30 anos

O Zoomarine assinala esta segunda-feira o seu 30.º aniversário. Desde que abriu portas, em 1991, este parque de entretenimento teve sempre focado em tornar-se num “espaço inovador” e “surpreendente de entretenimento educativo” no Algarve.

Ao longo destes anos, o Zoomarine destaca em comunicado que sempre lutou para conseguir ser pioneiro em muitas “dinâmicas nacionais e internacionais, operativas e éticas, sociais e zoológicas”. As mudanças também são uma realidade e agora mais do que nunca: “ainda que os atuais tempos sejam surreais, duros e tão injustos, o futuro continua promissor”. E os valores do Zoomarine continuam iguais: “apostar e apoiar a Educação Ambiental, promover e patrocinar a Ciência, implementar e incentivar a urgência da Conservação da Natureza. Um zoo moderno tem obrigações e dinâmicas muito especiais e desconhecidas da grande maior parte dos nossos visitantes e seguidores – e se os últimos 29 anos foram um delicioso desafio nessas tão importantes áreas, as conquistas nos próximos anos prometem ser ainda mais aliciantes e motivantes”.

E porque é o futuro que urge proteger, este 30.º aniversário vem assinalar um ano muito especial para o Zoomarine: “Não será o ano que idealizámos nem o ano que acreditamos poder merecer, mas será um ano dedicado a reforçar a energia e o futuro de um projeto onde chegam a trabalhar mais de 550 pessoas por ano, e onde se ajuda a entreter famílias, proteger espécies, inspirar investigadores e educadores, plantar árvores e limpar praias e inspirar ao sonho”.

Outras conquistas ao longo de 30 anos:

  • primeiro delfinário Português;
  • primeiro parque oceanográfico dedicado à vida e preservação dos Oceanos;
  • primeiro centro para reabilitação de animais aquáticos (arrojados e/ou confiscados pelas Autoridades);
  • primeiro golfinho a nascer (no mundo) graças a inseminação artificial voluntária;
  • primeira novela a ser gravada num zoo;
  • primeira piscina de ondas com água do mar;
  • primeiro zoo nacional a apostar no treino para comportamentos voluntários de bem-estar;
  • primeiro a ganhar prémios internacionais em bem-estar animal;
  • primeiro a acolher quase anualmente congressos técnico-científicos internacionais sobre vida; marinha, etologia, medicina-veterinária.