Zoomarine devolve cinco cágados ao meio selvagem

Zoomarine devolve cinco cágados ao meio selvagem

O Zoomarine, em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), vai devolver ao meio selvagem, no próximo dia 5 de setembro, cinco cágados que passaram por diferentes e complexos períodos de reabilitação no Porto d’Abrigo do Zoomarine. Os animais “regressam à vida independente, como se pretende com estas espécies endémicas e crescentemente ameaçadas de extinção”, refere a nota de imprensa. A devolução terá lugar numa zona tranquila da albufeira da Herdade da Parra, em São Marcos da Serra.

Depois de um verão intenso para os seus reabilitadores, estes Mauremys leprosa (cágados-mediterrâneos), que partilharam espaço com uma rara tartaruga-de-couro, voltam ao seu habitat natural, numa tentativa de inverter a tendência de decréscimo dos seus números que se tem verificado nas últimas décadas.

O Zoomarine aproveita para deixar a mensagem de que não se deve retirar cágados dos seus habitats naturais e não se deve colocar em habitats naturais os cágados (exóticos) que foram compradas em lojas de animais, porque a Conservação da Natureza disso depende.