Dourogás promove conferência sobre importância do Gás Natural no Desenvolvimento Regional e Transição Energética

Dourogás promove conferência sobre importância do Gás Natural no Desenvolvimento Regional e Transição Energética

Categoria Advisor, Agenda

O Grupo Dourogás, em colaboração com 35 municípios da região norte e em parceria com a IGU – Associação Mundial de Gás, promove na próxima quarta-feira, dia 11 de setembro, no Palácio da Bolsa, o evento Oporto Meeting subordinado ao tema “O Gás Natural no Desenvolvimento Regional e Transição Energética”. O secretário de Estado Adjunto e da Mobilidade, José Neves, o economista Daniel Bessa, o presidente do Novo Banco, António Ramalho, e o presidente da AEP, Luís Miguel Ribeiro, são alguns dos oradores deste ciclo de conferências, integrado no encontro da IGU, que se realiza no Porto, entre 11 e 13 de setembro.

Esta conferência, que junta líderes empresariais, responsáveis políticos e especialistas do sector energético, nacionais e internacionais, pretende fazer uma reflexão sobre o contributo do gás natural para o desenvolvimento regional de uma vasta região de Portugal, nomeadamente o interior norte do país, ao mesmo tempo que releva o papel de extrema importância que esta energia tem a desempenhar no âmbito do processo de transição energética e no futuro da descarbonização da economia nacional.

“Acreditamos que o setor do gás tem um papel preponderante na Transição Energética. A eletricidade não será solução para tudo, como, por exemplo, nos processos que envolvem a indústria pesada. Por toda a Europa, são já evidentes os sinais de que a produção de gás renovável é parte do futuro da descarbonização. Na Suécia, por exemplo, 60% da produção de gás natural já é renovável. Ao promovermos este ciclo de debates, que conta com interlocutores detentores de grande conhecimento sobre esta realidade e o sector da energia, a nível internacional, pretendemos colocar em evidência os reais benefícios económicos e ambientais deste tipo de energia”, afirma Nuno Moreira, CEO do Grupo Dourogás.

O Grupo Dourogás, que tem raízes no Norte, mais especificamente na região de Trás-os-Montes (Vila Real) nasceu há 25 anos por vontade de alguns empresários em conjunto com as autarquias dos municípios que ficaram excluídos da primeira concessão de gás natural. Tendo na sua génese a construção de redes de distribuição de gás, o grupo está a apostar fortemente na vertente renovável. Atualmente, com um plano de investimento de cerca de 100 milhões de euros em marcha, a empresa está, entre outras frentes, a desenvolver o mercado de Gás Natural Veiculado (GNV) e a criar uma rede nacional de postos de abastecimento deste gás parcialmente produzido a partir de resíduos urbanos orgânicos, tendo já, para tal, firmado parcerias com players do mercado de combustíveis e da indústria automóvel, como a BP e a fabricante SEAT.

Em discussão estará também o impacto do gás natural no Desenvolvimento Regional, tendo em pano de fundo o case study das mais de três dezenas de municípios, localizados na margem direita do Douro, no Interior norte do País, que estão na génese do Grupo Dourogás. “Consideramos que a aposta no gás natural renovável, num contexto de Transição Energética, será vital para esta região em particular, já que permitirá a utilização de redes de distribuição por outros combustíveis de origem não fóssil, nomeadamente biometano e hidrogénio. Este potencial poderá ser um grande fator de atração de investimento e inovação, promovendo o desenvolvimento económico, social e tecnológico deste território”, refere Nuno Moreira.

A sessão de abertura desta edição Oporto Meeting contará com as intervenções, além do CEO do Grupo Dourogás, secretário de Estado Adjunto e da Mobilidade, José Neves, e do presidente da Câmara Municipal do Porto, Rui Moreira. O economista Daniel Bessa será o orador principal do primeiro painel, dedicado ao tema O Gás Natural no Desenvolvimento Regional, que terá ainda a participação, entre outros, de António Ramalho (presidente do Novo Banco), Luís Miguel Ribeiro (presidente da Associação Empresarial de Portugal – AEP), Fernando Freire de Sousa (presidente da Comissão de Coordenação da Região Norte), ou Júlia Sequeira Rodrigues (presidente da Câmara de Mirandela).

Pedro Moliner Royo, diretor comercial da BP Gas Europe, será o orador principal do segundo painel desta conferência. Em debate vão estar Luís Bertrand (secretário-geral da International Gas Union), Nuno Lacasta (presidente do Conselho Diretivo da Agência Portuguesa do Ambiente), Filipe Meirinho (presidente do Conselho de Administração da Entidade Nacional para o Mercado de Combustíveis), entre outros. João Bernardo, diretor geral de Energia e Geologia, fará o encerramento dos trabalhos.

A conferência “O Gás Natural no Desenvolvimento Regional e na Transição Energética” decorre no dia 11 de setembro, a partir das 14h00, no Palácio da Bolsa, no Porto.