Filme “Aquarela” serve de mote para a apresentação pública do CineEco

Filme “Aquarela” serve de mote para a apresentação pública do CineEco

Categoria Advisor, Agenda

Na apresentação oficial do programa da 25.ª edição do Festival Internacional de Cinema Ambiental da Serra da Estrela que vai realizar-se no dia 21 de setembro pelas 21h30, no Cineteatro da Casa Municipal da Cultura de Seia, o CineEco propõe uma viagem cinemática sobre o poder de transformação da Água, com a exibição de um dos grandes filmes ambientais do momento, “Aquarela”. De acordo com a informação enviada à imprensa, este é o segundo ano consecutivo que o CineEco e a Green Film Network (GFN), com o apoio do Turismo Centro Portugal, organizam a 2.ª edição do Fórum Internacional de Festivais de Cinema de Ambiente, de 12 a 14 de outubro.

Para este ano o CineEco apresenta uma vasta programação composta pelas mais recentes produções nacionais e internacionais sobre questões ambientais e conta com uma seleção oficial de 80 filmes, de 20 países, que abordam questões inerentes ao Ambiente e à Emergência Climática, uma reflexão geral sobre o impacto da ação do Homem na Terra.

Mário Branquinho, diretor do CineEco, sublinha “que este Festival pugna pela necessidade crescente de educar e consciencializar o público, em particular os mais jovens, prova disto são os Workshops, as Ecotalks deste ano – autênticos encontros de gerações, de profissionais – ou ainda a iniciática CineEco nas Escolas do concelho”. Considerado como o evento mais internacional da região, o Festival é atualmente um “importante instrumento de afirmação cultural e ambiental em Seia e concelhos vizinhos, com significativa implementação e visibilidade no país e no mundo”, sublinha o responsável.

Em ano de comemoração dos 25 anos, a organização do CineEco reforçou a sua programação paralela, com particular atenção para o elevado potencial de networking que existe durante a semana do Festival. De ressalvar a realização de Ecotalks, pontos de encontro e discussão para troca de experiências, oportunidades e contactos entre profissionais especializados nas áreas do “Ambiente” e do “Audiovisual”, realizadores, diretores de cinema e participantes em geral. Além de outras iniciativas, destaca-se ainda a continuidade da iniciativa Escolas no CineEco em que crianças e jovens, desde o pré-escolar até ao ensino secundário e profissional, terão a oportunidade de visualizar filmes e conversar com alguns dos realizadores presentes nesta 25.ª edição do CineEco.

Evento em forma de movimento, o “Festival Ambiental de Portugal” incluiu nesta edição o “Award GFN” para premiar os melhores filmes de ambiente do mundo, indicados pelos festivais da rede Green Film Network.