Limpeza do estuário do Sado mobiliza 600 novos estudantes do IPS

Limpeza do estuário do Sado mobiliza 600 novos estudantes do IPS

Depois do sucesso do ano de estreia, com mais de duas toneladas de lixo recolhidas e quase 400 quilos recuperados para reciclagem, os novos estudantes do Instituto Politécnico de setúbal (IPS) voltam a voluntariar-se para uma ação de limpeza das margens do estuário do Sado, que decorre já esta quarta-feira, dia 25, na zona industrial da Mitrena.

São ao todo cerca de 600 os estudantes mobilizados para esta iniciativa de sensibilização ambiental, que integra o programa de acolhimento aos jovens recém-chegados ao IPS neste ano letivo de 2019/2020, e que decorre ao longo desta semana em articulação com as Escolas Superiores do IPS e com a Associação Académica (AAIPS).

A ação, que se desenvolve entre as 09H00 e as 12H00, resulta novamente de uma parceria com a Cooperativa de Educação Marinha Ocean Alive e conta com os apoios da Câmara Municipal de Setúbal, Junta de Freguesia do Sado e Transportes Luísa Todi. A partida é junto ao Clube Desportivo do IPS, /campus/ de Setúbal. Daqui sairão 12 autocarros rumo à Mitrena, onde serão distribuídos os estudantes-voluntários por várias das zonas consideradas críticas na margem norte do Estuário do Sado.

Mais uma vez, o IPS e a sua Associação Académica apostam numa forma diferente e consequente de promover a integração de quem chega de novo à comunidade IPS e às cidades de Setúbal e do Barreiro, em alinhamento com a missão de responsabilidade social desde há muito assumida.

Tal como alertou hoje de manhã o presidente do IPS, Pedro Dominguinhos, no seu tradicional discurso de boas-vindas aos novos estudantes, a “sustentabilidade ambiental é uma responsabilidade de todos nós. Para além de estudantes, cabe-vos ser cidadãos empenhados na construção de um mundo melhor para vocês e para os vossos filhos”.