Mais ciclovias de veículos elétricos: as cidades europeias preparam o futuro

Mais ciclovias de veículos elétricos: as cidades europeias preparam o futuro

Copenhaga, a capital da Dinamarca, tornou-se há dias a capital da bicicleta, também, noticia o Diário de Notícias. Mostram-no as contas da câmara municipal local, que monitoriza o trânsito na cidade, contabilizando o número de veículos que ali circulam diariamente.

Neste momento há 265 700 bicicletas nas ruas de Copenhaga, contra 252 600 automóveis: as primeiras batem os segundos por uma confortável diferença de 13 100. É o reino da Dinamarca.

A tendência observa-se também noutras cidades europeias, como Oslo (Noruega), Paris (França) ou Amsterdão (Holanda), que procuram os caminhos da sustentabilidade.

A melhoria da qualidade de vida dos cidadãos impõe-no, mas a escolha de políticas urbanas amigas do ambiente, para a redução das emissões de gases com efeito estufa que este tipo de políticas procura, é imprescindível para que os países, as suas regiões e as suas cidades cumpram as metas do Acordo de Paris para combater as alterações climáticas.