MARL comemora 20 anos com aposta na área ambiental e de sustentabilidade

MARL comemora 20 anos com aposta na área ambiental e de sustentabilidade

Categoria Advisor, Empresas

Com um espaço equivalente a 100 campos de futebol, o Mercado Abastecedor da Zona de Lisboa (MARL) comemora hoje 20 anos e estabeleceu como aposta para os próximos tempos a área ambiental e de sustentabilidade.

Em declarações à Lusa, o presidente do Conselho de Administração do MARL, Rui Paulo Figueiredo, explicou que, no dia em que o espaço faz 20 anos de existência, arrancam uma serie de projetos na área ambiental “com o objetivo de cumprir as metas ambientais que o país se comprometeu e porque ajudam no desempenho do próprio espaço”.

Segundo o responsável, “ao elevar tudo o que tem a ver com a reciclagem, fazemos também uma diminuição de consumos e na despesa operacional, diminuindo o consumo de energia de frio, de água, controlando por telemetria, por exemplo”.

De acordo com Rui Paulo Figueiredo, o MARL teve um “franco crescimento da sua atividade económica”, pelo que haverá igualmente um “reforço do investimento público na requalificação de base, com uma política comercial atrativa para fomentar os novos negócios”. Está prevista a construção nova de cerca de 10.500 metros quadrados, justificada com “a procura crescente nos vários setores”, realça o responsável.

“Enquanto gestores desta grande plataforma de cadeia de abastecimento e para que esteja em pleno funcionamento foi necessário também apoiar algumas empresas que passaram dificuldades com a pandemia”, acrescentou ainda.

Neste âmbito, o responsável lembrou que o plano de contingência para lidar com a pandemia foi implementado logo em 06 de março, havendo mais limpeza interior e exterior, mais empresas privadas a fazer segurança, contando ainda o espaço com o apoio da GNR uma vez que é um espaço onde se deslocam muitas pessoas.

A Eco Área, inaugurada esta quinta-feira, irá incluir compactadores para deposição de resíduos, possibilitando o aumento dos níveis de recolha seletiva. Irá igualmente haver um espaço para a recolha dedicada de esferovite e introdução de uma rota de orgânicos para a recolha de restos de alimentos e frutas, além da introdução de uma rota de madeiras (para restos de paletes, por exemplo). Vão ser igualmente criados pontos de recolha de pilhas, baterias e lâmpadas usadas.

Por dia, o MARL tem em média uma visita de 20 mil pessoas, num espaço em que 900 empresas abastecem as bases das grandes cadeias de supermercados, mercearias, lojas de conveniência, mercados e farmácias. O espaço tem cerca de 6 mil postos de trabalho diretos.

O MARL, que se localiza no Lugar do Quintanilho, em São Julião do Tojal, Loures, ocupa o equivalente a 100 campos de futebol, mais propriamente 101 hectares, e atinge uma população de 3,7 milhões de habitantes.