Pais de alunos da Escola Sueca de Lisboa lançam campanha para torná-la mais verde

Pais de alunos da Escola Sueca de Lisboa lançam campanha para torná-la mais verde

Categoria Ambiente, Energia

A GoParity, plataforma de investimentos sustentáveis em Portugal, abre hoje para investimento um novo projeto em parceria com a Escola Sueca de Lisboa, frequentada por estudantes com raízes nórdicas a residir em Portugal. O objetivo é angariar 12 mil euros que vão permitir que a escola passe a produzir 40% da energia que consome – algo que vai servir de mote para a realização de várias atividades de sensibilização para a importância da sustentabilidade junto desta comunidade de jovens estudantes.

A associação de pais da Escola Sueca de Lisboa, onde estudam cerca de 60 crianças e adolescentes com idades entre um e 15 anos, pretende com este projeto tornar a escola mais amiga do ambiente através da instalação no seu telhado de 22 painéis fotovoltaicos com seis kWp de potência, que vão produzir nove mil Kwh por ano. Prevê que esta autossuficiência venha a evitar a emissão de cerca de 4,5 toneladas de CO2 anualmente, que para serem absorvidas necessitariam de 450 árvores.

Mas este projeto vai mais longe e o montante a angariar na GoParity destina-se a tornar possível também a concretização de outras vertentes: eficiência energética (substituição de 100 lâmpadas por LED, o que reduzirá em 60% o consumo da escola em iluminação), monitorização de consumo (instalação de um aparelho que permite medir a energia consumida e produzida, bem como identificar e otimizar as áreas onde o consumo energético é mais alto) e educação de jovens cidadãos (realização de múltiplas atividades que vão ensinar aos estudantes da Escola Sueca de Lisboa várias formas de tornar os espaços mais amigos do ambiente e vão sensibilizá-los para a importância da sustentabilidade).

O promotor deste projeto é a própria Escola Sueca de Lisboa, que logo desde o primeiro mês quer conseguir poupanças energéticas de valor superior ao custo do pagamento do empréstimo aos investidores. Para Susanne Morgan, diretora da Escola Sueca de Lisboa, citada em comunicado, “este projeto é muito importante para toda a comunidade escolar, pois acreditamos que o envolvimento desde cedo dos estudantes com questões ambientais e ligadas à sustentabilidade vai influenciar positivamente suas decisões e escolhas enquanto adultos”:

Nuno Brito Jorge, fundador da GoParity, afirma: “Sentimo-nos muito felizes por poder contribuir para que com uma comunidade tão jovem possa beneficiar diretamente de um projeto promovido na nossa plataforma. Gostávamos muito de conseguir replicar este tipo de projetos noutras escolas do país”.

Tal como acontece em todos os projetos da GoParity, qualquer cidadão pode rentabilizar os seus fundos apoiando este projeto a partir de apenas 50€ em www.goparity.com.