Renova lança Rolos de cozinha com embalagem de papel

Renova lança Rolos de cozinha com embalagem de papel

Comprometida com a sustentabilidade e no seguimento do lançamento do papel higiénico Paper Pack, a Renova acaba de lançar novos Rolos de Cozinha embalados em papel reciclável e biodegradável, em substituição da tradicional embalagem de plástico, reforçando a adopção de práticas mais sustentáveis e amigas do ambiente.

Os novos rolos de cozinha XXL dão continuidade à aposta da marca no desenvolvimento da gama Paper Pack, planeada a pensar na economia circular, em que todos os materiais de embalagem utilizados, inclusive os tubos interiores, são produzidos de forma a poderem ser reciclados e darem origem a novos produtos de papel após a sua utilização.

Com este lançamento, a Renova fortalece o seu compromisso com o ambiente, ao eliminar progressivamente o plástico do seu portfólio de produtos, assumindo que o respeito pelas origens e o esforço na redução do plástico no consumo quotidiano deve ser uma responsabilidade partilhada por marcas, retalhistas e cidadãos.

Este novo lançamento consiste numa referência única de Rolos de Cozinha – The Renova Max Absorption XXL Paper Pack – que surge numa embalagem com dois rolos XXL de papel branco, compacto e extra-longo, com diferentes características. Embalados em papel reciclável e biodegradável, os Rolos de Cozinha Extra longos oferecem 200 utilizações e apresentam um papel forte, absorvente e resistente mesmo quando molhado.

A Renova alarga assim a sua gama Paper Pack, agora com um produto dedicado ao dia-a-dia das famílias e cidadãos que procuram uma alternativa mais sustentável de rolos de cozinha e que não dispensam a robustez do papel e uma elevada capacidade de absorção.

Recorde-se que o projecto de eliminação progressiva do plástico do portefólio da Renova iniciou-se em 2018 com o lançamento de quatro referências de Papel Higiénico Paper Pack, sendo agora reforçado com uma nova referência de Rolos de Cozinha.

A Renova continuará a consolidar este processo de progressiva substituição das embalagens de plástico por embalagens de papel, respondendo a uma crescente expectativa dos cidadãos por alternativas de produtos eco-friendly.